«Creio para compreender e compreendo para crer melhor» (Santo Agostinho, Sermão 43, 7, 9) (Santo Agostinho, Sermão 43, 7, 9)

29
Jul 09

A próxima mensagem para o Dia Mundial da Paz que se celebrará a 1 de Janeiro de 2010 será dedicado ao tema “se queres cultivar a paz, guarda a criação”. O tema deseja solicitar uma tomada de consciência do laço estreito que existe no nosso mundo globalizado e interligado entre salvaguarda da criação e o cultivo do bem da paz. Este estreito e íntimo laço é de facto cada vez mais posto em causa pelos numerosos problemas que dizem respeito ao ambiente natural do homem, como o uso dos recursos, as mudanças climáticas, a aplicação e o uso das biotecnologias, o crescimento demográfico. Se a família humana não souber enfrentar estes novos desafios com um renovado sentido da justiça e equidade social e da solidariedade internacional, corre-se o risco de semear violência entre os povos, e entre as gerações presentes e futuras.
 
Seguindo as preciosas indicações contidas nos números 48-51 da Carta Encíclica Caritas in veritate a mensagem Papa sublinhará que a urgência da tutela ambiental deve constituir um desafio para a humanidade inteira; trata-se do dever comum e universal, de respeitar um bem colectivo, destinado a todos, impedindo que se possa fazer uso impunemente das varias categorias de seres a seu comprazimento.
 
É uma responsabilidade que deve amadurecer com base na globalidade, visto que todos os seres dependem uns dos outros na ordem universal estabelecida pelo Criador.
 
Se se deseja cultivar o bem da paz, deve-se favorecer de facto uma consciência renovada da interdependência que liga entre si todos os habitantes da terra.
 
Tal consciência concorrerá para eliminar varias causas dos desastres ecológicos e garantirá uma tempestiva capacidade de resposta quando tais desastres afectam povos e territórios.A questão ecológica não deve ser enfrentada apenas pelas perspectivas desoladoras que a degradação ambiental perfila; mas deve traduzir-se sobretudo numa forte motivação para cultivar a paz.
 
(Fonte: site Radio Vaticana)

publicado por spedeus às 17:26

«Dá "toda" a glória a Deus. - "Espreme" com a tua vontade, ajudado pela graça, cada uma das tuas acções, para que nelas não fique nada que cheire a humana soberba, a complacência do teu "eu".» São Josemaría Escrivá – Caminho, 784 O ‘Spe Deus’ tem evidentemente um autor que normalmente assina JPR e que caso se justifique poderá assinar com o seu nome próprio, mas como o verdadeiramente importante é Deus na sua forma Trinitária, a Virgem Santíssima, a Igreja Católica e os seus ensinamentos, optou-se pela discrição.
NUNC COEPI - Blogue sugerido para questões de formação, doutrina, reflexões e comportamento humano
http://amexiaalves-nunccoepi.blogspot.com/
subscrever feeds
links
pesquisar neste blog
 
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

3 seguidores

blogs SAPO