«Creio para compreender e compreendo para crer melhor» (Santo Agostinho, Sermão 43, 7, 9) (Santo Agostinho, Sermão 43, 7, 9)

29
Set 10

Na audiência geral desta quarta feira Bento XVI convidou os fiéis a intensificarem a amizade com o Senhor através da oração diária e a participação activa na Santa Missa, seguindo o exemplo de Santa Matilde de Hackeborn, religiosa cisterciense alemã. Recordando a sua figura o Papa sublinhou a humildade o fervor, a simplicidade, a pureza e a intensidade da sua união com Deus. Deixando-se guiar pela Sagrada Escritura e alimentar pelo pão eucarístico, e apoiando-se na Liturgia, Matilde – sublinhou o Santo Padre - viveu cada momento da vida monástica na plena fidelidade á Igreja. A intensidade das suas orações e do seu canto,, pelo qual foi denominada “rouxinol” de Deus, reforçam a fé de todos aqueles que a escutavam. Atingida por uma longa doença, conheceu intensos sofrimentos, aos quais juntou duras penitencias pela conversão dos pecadores, participando na paixão de Cristo até ao fim da sua vida, em 1299.

 

A audiência geral desta quarta feira decorreu ao ar livre na Praça de S. Pedro, graças a um esplêndido dia de sol, e perante cerca de 10 mil pessoas. Bento XVI voltou depois de helicóptero para Castelgandolfo, regressando definitivamente ao Vaticano amanhã á tarde.

 

Não faltaram nesta audiência geral, palavras do Papa em português:

 

Queridos irmãos e irmãs,


Santa Matilde de Hackeborn foi uma das grandes figuras do monaquismo alemão no século XIII. Desde criança sentiu-se chamada à vida religiosa, vindo a fazer parte da comunidade do mosteiro de Helfa, no período mais glorioso da sua história, onde se oferecia uma sólida formação intelectual e espiritual fundada na Sagrada Escritura, na Liturgia, na Tradição Patrística e na regra cisterciense. As elevadas qualidades naturais e espirituais de que era dotada, associadas ao dom divino da contemplação mística, faziam que muitas pessoas, às vezes vindas de longe, a procurassem para encontrar o consolo dos seus sábios conselhos. De fato, ao deixar-se guiar pela Sagrada Escritura e nutrindo-se pelo Pão eucarístico, Matilde percorreu um caminho de íntima união com o Senhor, entrando em diálogo com o seu dulcíssimo e ardente Coração, fonte de luzes interiores e ocasião de intercessão pelas suas irmãs. Pouco após a sua morte, a sua obra e a sua fama de santidade já tinham se difundido grandemente.

* * *

Saúdo, com fraterna amizade, os peregrinos vindos de Portugal e de demais países de língua portuguesa, cuja romagem se detém hoje junto do túmulo de São Pedro e nesta Audiência com o seu Sucessor: Obrigado pela vossa presença e oração! Peço a Cristo Senhor que guarde no seu Coração Sagrado as vossas famílias e comunidades cristãs, abençoando a todos com a sua paz e o seu amor.


(Fonte: site Rádio Vaticano)

publicado por spedeus às 14:17

«Dá "toda" a glória a Deus. - "Espreme" com a tua vontade, ajudado pela graça, cada uma das tuas acções, para que nelas não fique nada que cheire a humana soberba, a complacência do teu "eu".» São Josemaría Escrivá – Caminho, 784 O ‘Spe Deus’ tem evidentemente um autor que normalmente assina JPR e que caso se justifique poderá assinar com o seu nome próprio, mas como o verdadeiramente importante é Deus na sua forma Trinitária, a Virgem Santíssima, a Igreja Católica e os seus ensinamentos, optou-se pela discrição.
NUNC COEPI - Blogue sugerido para questões de formação, doutrina, reflexões e comportamento humano
http://amexiaalves-nunccoepi.blogspot.com/
subscrever feeds
links
pesquisar neste blog
 
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

3 seguidores

blogs SAPO