«Creio para compreender e compreendo para crer melhor» (Santo Agostinho, Sermão 43, 7, 9) (Santo Agostinho, Sermão 43, 7, 9)

29
Jan 09
Na manhã desta quinta-feira o Papa Bento XVI recebeu no Vaticano o grupo de Bispos da Conferencia episcopal da Rússia em visita ad limina apostolorum.

O Santo Padre renovou-lhes a expressão da sua solicitude e proximidade espiritual com o encorajamento a prosseguirem unidos na actividade pastoral. Em seguida manifestou o seu apreço pelo empenho com o qual cuidam do relançamento da participação litúrgico - sacramental, da catequese, da formação sacerdotal e da preparação de um laicado maduro e responsável que seja fermento evangélico nas famílias e na sociedade civil.

Infelizmente, também na Rússia, como noutras partes do mundo - salientou depois o Papa – verifica-se a crise da família e a consequente diminuição demográfica, juntamente com outras problemáticas que afligem a sociedade contemporânea. Tais problemáticas preocupam também as Autoridades do Estado, com as quais é portanto oportuno continuar a colaborar para o bem de todos. E neste contesto a atenção dos bispos dirige-se justamente de maneira especial aos jovens aos quais a comunidade católica russa é chamada a transmitir inalterado o património de santidade e de fidelidade a Cristo, e os valores humanos e espirituais que estão na base de uma promoção humana e evangélica eficaz.Bento XVI exortou depois os bispos da conferencia episcopal da Rússia a não se desencorajarem perante a modéstia dos resultados pastorais alcançados, mas a alimentarem, neles e nos seus colaboradores um espírito de fé autentico conscientes de que Jesus Cristo não deixará de tornar fecundo, com a graça do Seu Espírito, o seu ministério para a gloria do Pai, segundo tempos e modalidades que somente Ele conheceO Santo Padre convidou os Bispos a prosseguirem na promoção e cuidado das vocações sacerdotais e religiosas.

No seu discurso Bento XVI salientou depois o facto de eles viverem num contexto eclesial particular, isto é um país caracterizado na maioria da sua população por uma milenária tradição ortodoxa com um rico património religioso e cultural.

“É essencial ter em conta a necessidade de um renovado empenho no diálogo com os nossos irmãos e irmãs ortodoxos; sabemos que este diálogo, não obstante os progressos registados, conhece ainda algumas dificuldades. Nestes dias sinto-me próximo espiritualmente dos queridos irmãos e irmãs da Igreja Ortodoxa Russa que se alegram com a eleição do Metropolita Kirill como novo Patriarca de Moscovo e de todas as Rússias: a ele formulo os meus votos muito cordiais para a delicada tarefa eclesial que lhe foi confiada. Peço ao Senhor que nos confirme a todos no empenho de caminhar juntos na via da reconciliação e do amor fraterno.

A concluir o seu discurso aos bispos da Conferencia Episcopal da Rússia , Bento XVI salientou a importância de os cristãos enfrentarem unidos os grandes desafios culturais e éticos do momento presente, concernentes a dignidade da pessoa humana e os seus direitos inalienáveis, a defesa da vida em todas as suas fases, a tutela da família e outras urgentes questões económicas e sociais.
 
(Fonte: site Radio Vaticana)
publicado por spedeus às 19:49

«Dá "toda" a glória a Deus. - "Espreme" com a tua vontade, ajudado pela graça, cada uma das tuas acções, para que nelas não fique nada que cheire a humana soberba, a complacência do teu "eu".» São Josemaría Escrivá – Caminho, 784 O ‘Spe Deus’ tem evidentemente um autor que normalmente assina JPR e que caso se justifique poderá assinar com o seu nome próprio, mas como o verdadeiramente importante é Deus na sua forma Trinitária, a Virgem Santíssima, a Igreja Católica e os seus ensinamentos, optou-se pela discrição.
NUNC COEPI - Blogue sugerido para questões de formação, doutrina, reflexões e comportamento humano
http://amexiaalves-nunccoepi.blogspot.com/
subscrever feeds
links
pesquisar neste blog
 
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

3 seguidores

blogs SAPO